Nuvens de Categorias

Imóveis Visualizados Recentemente


    Notícias

    Reforma valoriza até 20% um imóvel, na hora da venda ou locação.

    Publicado Terça, 09 de Janeiro de 2018, 10:07 h

    Fonte http://atarde.uol.com.br/imoveis

    Reforma eleva valor do imóvel em até 20%

    750 201816104318578
    Instalações elétricas em casas antigas exigem mais atenção

    Investir em pequenas reformas pode ser uma boa solução para quem está tentando alugar ou vender um imóvel. Com pequenas modificações, é possível causar uma primeira impressão mais positiva em moradores em potencial, diminuir o tempo de vacância e até mesmo negociar preços maiores.

    Detalhes como pintura das paredes, revestimentos em bom estado e instalações hidráulicas e elétricas em dia podem valorizar até 20% um imóvel, segundo o gerente geral de locação e compra e venda da administradora imobiliária Apsa, Giovani Oliveira.

    "É possível gastar cerca de um aluguel e meio com coisas básicas. O imóvel é colocado no mercado com uma visibilidade e aceitamento maiores, e o valor gasto é recuperado no primeiro contrato de aluguel", conta Oliveira.

    A sensação de limpeza e de local "pronto para morar" é importante para os possíveis futuros moradores. Para o corretor de imóveis José Alberto de Vasconcellos, 2º vice presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-BA), o estado do imóvel é o segundo fator mais considerado pelos clientes, atrás apenas da localização.

    "O cliente pode até não comentar, mas sempre observa se o local está bem conservado, pintado, e se é de bom gosto", comenta. O futuro morador busca a sensação de que não será preciso gastar muito tempo e dinheiro com reformas, no caso de quem vai comprar um imóvel.

    "Muitas pessoas desistem de apartamentos antigos com ótimas possibilidades por medo de reformas", diz o arquiteto Vitor Dauster, do escritório Dauster Arquitetura. Já o possível inquilino não quer conviver com defeitos que não poderá mudar.

    Segundo Dauster, futuros moradores estão dispostos a pagar mais caro pela tranquilidade de não precisar se preocupar com reparos e com a manutenção do apartamento. As instalações elétricas, por exemplo, precisam de atenção, sobretudo em imóveis antigos: "apartamentos antigos foram pensados para outra utilização de eletrodomésticos. Hoje temos mais TVs, além de computadores e máquinas de café, e precisamos de uma estrutura maior", conta.

    Ele recomenda que a fiação de imóveis antigos seja totalmente substituída, o que pode custar caro, cerca de R$ 30 mil para um imóvel grande. A economia de tempo e transtorno para futuros compradores poderia resultar em um preço mais alto nas negociações.

    Outra solução que agrada tanto compradores quanto inquilinos é um procedimento simples: substituir as lâmpadas por modelos de LED. Mais modernas, as lâmpadas de LED são mais caras que outros modelos, mas compensam em durabilidade e economia, consumindo até cinco vezes menos que as incandescentes.

    Outra preocupação importante é a parte hidráulica. Vazamentos, por menores que sejam, podem passar uma impressão de que o imóvel não está em boas condições. Para locais alugados, Oliveira, da Apsa, recomenda que as instalações sejam revisadas uma vez ao ano: "Pode ser feita uma revisão preventiva da parte hidráulica, e a cada três ou quatro anos uma inspeção mais aprofundada, analisando também a parte elétrica, pisos e paredes", sugere.

    « Voltar

    X
    Precisa de Ajuda?

    Clique aqui e converse agora com nossos corretores ou ligue para (54) 3286.7744.

    Corretor Online